O Porsche Macan elétrico será lançado ao mercado no segundo semestre do ano, mas muito já sabíamos sobre as tecnologias do novo SUV com baterias de 800 volts. Agora a Porsche revelou detalhes como as dimensões e dados técnicos completos. Finalmente há também algumas imagens do carro sem camuflagens. 

Diferente do esperado, o Porsche Macan elétrico não terá algum nome adicional, como Electric ou algo semelhante. Isso pois, em alguns mercados, não haverá o Macan com motor a combustão ainda em 2024, ou seja, todo Macan será elétrico. No Brasil, é esperado que eles dividam as lojas. 

Galeria: Porsche Macan 2024

Macan 4 e Macan Turbo

A plataforma do novo Porsche Macan é a novíssima Premium Platform Electric (PPE), que também servirá para os Audi Q6 e-tron - este confirmado para o Brasil também em 2024 - e A6 e-tron. Serão duas versões, sempre com tração integral: Macan 4 e Macan Turbo, ao menos durante esta primeira fase do lançamento. Veja os detalhes de cada uma.

 Porsche Macan 4Porsche Macan Turbo
Motores e potênciaAWD, 408 cv (300 kW) e 66,3 kgfmAWD, 640 cv (470 kW) e 115,2 kgfm
0-100 km/h e velocidade máxima5,2 s/220 km/h3,3 s/260 km/h
Bateria bruta e líquida100 kWh/95 kWh100 kWh/95 kWh
Autonomia (WLTP)613 km519 km
Potência de recarga (AC/DC)11 kW/270 kW (800 volts)11 kW/270 kW (800 volts)
Tempo de recarga DC (10-80%)aprox. 21 minaprox. 21 min

Como o Macan 4 com tração integral é descrito pela Porsche como a versão de entrada, provavelmente não haverá alguma com tração apenas traseira. O Macan Turbo, por outro lado, será versão mais potente. Pode-se presumir que haverá pelo menos mais uma versão no futuro, entre as duas, como um Macan 4S com cerca de 380 kW ou cerca de 517 cv, já que é esperado que o Audi Q6 e-tron, seu irmão de plataforma, terá algo nesta faixa de força.

"Nosso objetivo com o Macan elétrico é oferecer o modelo mais esportivo em seu segmento ", diz o gerente do modelo, Jörg Kerner. Com 470 kW, a versão topo do Macan tem um pouco menos de potência do que o Mercedes-AMG EQE SUV mais potente, com 505 kW, mas o Porsche é 0,4 segundos mais rápido no 0 a 100 km/h (3,3 versus 3,7 segundos). Kerner também está se referindo à capacidade dinâmica e com certeza o Macan não ficará atrás do EQE assinado pela AMG.

Porsche Macan 2024

O Macan elétrico não tem um controle de largada, diferente do que acontece com praticamente todos os Porsche a combustão. Basta pressionar o pedal do acelerador e tudo acontece. A potência máxima declarada refere-se ao modo overboost, que, de acordo com o porta-voz da Porsche, Ben Weinberger, é mantido por cerca de 10 segundos. No Taycan também acontece isso. 

Os motores PSM

A potência é fornecida exclusivamente por motores síncronos de ímã permanente (PSM). Em condições normais de estrada e em uma velocidade constante, a potência vem apenas do motor traseiro. Isso economiza carga pois o inversor usado aqui tem componentes eletrônicos de carbeto de silício extremamente eficientes.

Mas o que acontece quando a tração do eixo dianteiro não é necessária? O novo Porsche não tem um sistema de desacoplamento mecânico, como na Mercedes-Benz ou na Hyundai/Kia/Genesis, ou um circuito totalmente sem corrente, como é possível com motores assíncronos. Em vez disso, ele é energizado apenas até o ponto em que não freia. 

Porsche Macan 2024

O motor traseiro fornece impressionantes 470 kW (640 cv) no Macan Turbo. Como a potência total do sistema é igualmente alta, em casos extremos, toda a potência pode vir apenas deste motor. No entanto, o eixo dianteiro também contribui quando a aceleração é forte ou quando está em pisos de baixa aderência. Embora a Porsche fale de tração integral "totalmente variável", os 470 kW não podem vir do eixo dianteiro pois o motor este motor tem menos potência. 

O motor dianteiro, que é idêntico em ambas as versões do Macan, foi desenvolvido pela Audi, enquanto o motor traseiro (que tem potência diferente dependendo da versão) foi desenvolvido em cooperação com a Bosch. Como se sabe, o motor dianteiro tem um enrolamento de pino I no estator, enquanto o motor traseiro tem um enrolamento de pino fino. A diferença é que, com o último, os fios de cobre podem ser colocados mais próximos uns dos outros, então a densidade de potência é maior, o que aparentemente também possibilitou os 470 kW.

Porsche Macan 2024

Os dois motores elétricos não são coaxiais, mas estão localizados atrás dos eixos. No caso do motor traseiro, a máquina é instalada até mesmo atrás do inversor. Isso também deve trazer vantagens em termos de distribuição de peso, que, de acordo com a Porsche, é um 48:52 bastante ideal em termos de dinâmica de direção e algo único em um elétrico. 

Recuperação por regeneração? Não, obrigado!

Durante a condução, os motores elétricos podem recuperar até 240 kW. No entanto, isso só se aplica à recuperação durante a frenagem. A recuperação de regeneração (ou seja, a recuperação de energia quando simplesmente se desacelera sem os freios) é significativamente menor. Ela apenas imita a desaceleração de um motor de combustão.

Porsche Macan 2024

E quando se trata de recuperação em marcha lenta, o gentil Kerner se torna resoluto: ele não acredita na recuperação em marcha lenta, diz o especialista. Ela simplesmente não é eficiente devido às conversões adicionais de energia. Ainda assim, não seria possível instalar um botão para dirigir com um pedal para os clientes que desejam uma forte recuperação? "Poderíamos, mas não queremos", diz Kerner. Assim como um motor a combustão com transmissão automática, o Macan elétrico se comporta como um carro normal, o que significa que, se você desacelerar até parar e soltar o freio, o carro começa a andar.

Já estávamos cientes da aversão da Porsche à forte recuperação de marcha lenta (como a oferecida pela Teslas, por exemplo) no Taycan. No entanto, ficamos surpresos quando perguntamos qual era a situação da direção semiautônoma. Se entendemos Kerner corretamente, há mais recuperação nesse caso. Aparentemente, o sistema automatizado é mais confiável do que o motorista humano.

Porsche Macan 2024

Bateria: sempre 95 kWh líquidos, com alcance de até 613 km

No que diz respeito à bateria, a Porsche quer oferecer apenas uma variante. Ela oferece 100 kWh brutos e 95 kWh líquidos. A bateria consiste em doze módulos, cada um com 15 células prismáticas da CATL. No entanto, as células da bateria não vêm da China, mas da nova fábrica da CATL perto de Erfurt. Elas são montadas no conjunto de baterias pelo fornecedor bávaro Dräxlmeier.

Sentimos uma grande sensação de alívio quando soubemos que o Porsche Macan elétrico tem uma autonomia de 613 km na versão mais mansa. Anteriormente, só se falava em uma autonomia de "mais de 500 quilômetros". Com 613 quilômetros, no entanto, o novo SUV de médio porte está no mesmo nível de rivais como o Mercedes-Benz EQE SUV ou o Ford Mustang Mach-E, superando o Tesla Model Y. Também vale a pena observar: apesar da diferença considerável no desempenho, a diferença na autonomia entre os motores do Macan é pequena. O Macan 4 atinge os 613 km mencionados acima, enquanto o Macan Turbo chega a 591 km.

Porsche Macan 2024

Carregamento com 270 kW - ou 135 kW em 400 volts

O carregamento é feito com até 270 kW - assim como no Taycan, a tensão do sistema do Macan é de 800 volts. Isso permite que a bateria seja carregada de 10 a 80% em cerca de 21 minutos. O Taycan especifica 22,5 minutos, mas para 5-80%, e a bateria também é menor (84 ou 71 kWh). Isso significa que a velocidade de carregamento do Macan parece ser um pouco maior (3,2 em vez de 2,8 kWh/min).

O carregamento em banco é um novo recurso. Nas estações de carregamento de 400 volts, a bateria é dividida em duas, cada uma com uma tensão nominal de 400 volts, por meio de um interruptor de alta tensão. Essas baterias parciais são então carregadas com até 135 kW. De acordo com a Kerner, no entanto, isso não é feito em paralelo (caso contrário, o tempo de carregamento seria o mesmo do carregamento de 800 volts, pois resultariam em 270 kW).

Porsche Macan 2024

A vantagem do carregamento em banco é que você não precisa do chamado HV booster e ainda pode carregar rapidamente. O carregamento CA com até 11 kW é possível em wall box doméstico padrão; de acordo com Kerner, 22 kW não está planejado.

Após o workshop de tecnologia no Macan, ainda não estava claro para nós onde exatamente a chamada Integrated Power Box (com carregador de bordo, aquecedor de alta tensão e conversor DC/DC) e o sistema de gerenciamento de bateria está localizado. Ambos estão na parte superior da tampa da bateria, com o BMS na parte superior e o IPB na parte inferior. Falando do aquecedor de alta tensão, a unidade de 6 kW é ativada automaticamente quando uma estação de carregamento rápido é inserida como destino no sistema de navegação por satélite. A Porsche rejeita o pré-condicionamento manual da bateria por motivos de eficiência.

Porsche Macan 2024

Como um Model Y

A Porsche também está revelando as dimensões exatas do Macan pela primeira vez. Com 4,78 metros, o recém-chegado é cinco centímetros mais longo que o atual Macan a combustão. Com 1,62 metro, a altura é no máximo alguns milímetros maior, o que é notável porque o Macan elétrico naturalmente tem uma bateria em sua base. No entanto, com uma estimativa de 10 cm, ela é particularmente fina, como descobrimos no chassi mostrado pela Porsche.

As dimensões do Macan são semelhantes às do Ford Mustang Mach-E, do BMW iX3 ou do Tesla Model Y. A distância entre eixos de 2,89 metros e a altura (1,62 metros) também são praticamente idênticas às do Model Y. O Mercedes-Benz EQE SUV, que provavelmente também é um concorrente, é significativamente mais longo, com 4,97 metros.

Porsche Macan (2024)

Os faróis são divididos em duas partes. A unidade superior consiste apenas nas luzes diurnas de quatro pontos, com os faróis (opcionalmente com tecnologia Matrix LED) estão localizados abaixo. As lâminas laterais são impressionantes; os elementos de acabamento estão disponíveis em fibra de carbono, plástico de alto brilho ou na cor da carroceria. A "flyline" (como a Porsche chama a linha do teto) é a de um SUV cupê. Como resultado, a janela traseira é bastante plana, o que limita o espaço do porta-malas na parte superior. Na traseira, há uma faixa de luz contínua da esquerda para a direita. 

Porsche Macan (2024)
Porsche Macan (2024)

A aerodinâmica ativa inclui um spoiler traseiro que se estende automaticamente em três posições, uma persiana de fechamento automático para a entrada de ar dianteira e uma parte inferior da carroceria fechada. A Porsche declara um coeficiente de arrasto de 0,25, comparado a 0,36 para o motor de combustão. Isso não diz muito sobre a resistência aerodinâmica, pois ela também depende da área frontal.

Cockpit e interior

As portas sem moldura chamam a atenção quando você entra. No interior, há uma paisagem de monitores composta por três telas. Além de uma tela de instrumentos curva de 12,6 polegadas, há uma tela sensível ao toque, que, com 10,9 polegadas, é bem pequena para essa categoria. Uma tela opcional para o passageiro (também de 10,9 polegadas) e um head-up display com função de realidade aumentada também estão disponíveis. O elemento para o ar-condicionado, localizado mais abaixo no console central, não é uma tela, mas uma superfície preta brilhante com botões físicos.

Porsche Macan (2024): Das Cockpit

O seletor de marchas é ativado por meio de um interruptor à direita do volante. Há um botão liga/desliga à esquerda do volante, mas ele só é usado, por exemplo, para ligar o rádio se você tiver que esperar muito tempo. A luz ambiente também funciona como uma luz de comunicação, já que ela pisca, por exemplo, se você colocar um ciclista em perigo ao sair do carro. 

Porsche Macan (2024)

Quando nos sentamos pela primeira vez no Macan elétrico, notamos as laterais altas dos bancos, que envolvem confortavelmente. Na parte traseira, entretanto, o espaço para as pernas é muito limitado. Até mesmo eu, com 1,76 m de altura, provavelmente só poderia me sentar atrás de uma pessoa da mesma altura se mostrasse alguma disposição para fazer concessões. Para cima, entretanto, o Macan oferece espaço suficiente para a cabeça.  

O sistema de infoentretenimento usa o Android Automotive OS como seu sistema operacional, mas a interface parece diferente daquela dos sistemas puramente do Google (por exemplo, da Volvo). O sistema responde muito rapidamente. Há também uma bela tela de mapas e um assistente de voz. O Macan elétrico criou uma rota para Copenhague com uma rapidez surpreendente; estações de recarga adequadas também foram sugeridas imediatamente.

Porsche Macan (2024)

A capacidade do porta-malas é de até 540 litros e um pouco menor no Turbo porque um subwoofer é instalado. Há também um frunk (porta-malas dianteiro) com 84 litros. Quando os bancos estão rebatidos, até 1.348 litros de bagagem podem ser guardados. Ambas as versões do Macan também podem rebocar até duas toneladas. 

O Macan tem uma suspensão com molas tradicionais de série, enquanto a suspensão a ar com amortecedores adaptativos está disponível como opcional. Os amortecedores também podem ser encomendados para a versão com molas helicoidais. Há também um sistema de direção do eixo traseiro com um ângulo máximo de cinco graus. Ele reduz o raio de giro para 11,1 metros e garante maior estabilidade de direção em altas velocidades. O Macan elétrico é construído na fábrica da Porsche em Leipzig.